Humberto Pontes entrega Medalha Cidade de João Pessoa a cantora mirim Mariah Yohana

O vereador Humberto Pontes (Avante) entregou nesta segunda-feira (17) a Medalha Cidade de João Pessoa a cantora mirim Mariah Yohana Gomes da Silva Abílio, 10 anos, por elevar o nome da capital paraibana durante a sua participação no programa ‘The Voice Kids 2018’, exibido em rede nacional. Mariah foi uma as finalistas e a solenidade aconteceu no Plenário da Câmara Municipal.

“Mariah apresentou uma voz singular de caráter infantil e compatível à proposta do programa, transmitindo em seu canto a inocência e a pureza de uma criança que conquistou todo o Brasil e que levou a Paraíba e a cidade de João Pessoa à final do The Voice Kids. A nossa cantora mirim recebe uma das mais honradas comendas desta Casa de Napoleão Laureano, uma propositura nossa, aprovada por unanimidade, concedida apenas a personalidades que se destacaram, elevando o nome do nosso município”, frisou o parlamentar em seu discurso.

“Estamos muito felizes por esse momento. Eu vou falar como Mariah falou: ela nem imaginava chegar até a final e nós não imaginávamos de chegar aqui à Câmara Municipal, recebendo uma homenagem do vereador Humberto Pontes, com a presença de todos. É um momento de gratidão. A Paraíba é um estado diferenciado, porque aonde Mariah vai ela é reconhecida e isso é muito gratificante” disse o pai de Mariah, José Humberto Abílio.

A homenageada também discursou, afirmando com emoção os agradecimentos pela concessão da medalha. “Nasci em João Pessoa e essa cidade faz parte de mim. Sempre senti o maior orgulho de carregar o nome dessa terra, mas esse ano com o The Voice a nossa relação se tornou mais especial. Pessoas que nem me conheciam abraçaram meu sonho e torceram por mim e se juntaram para me ver vencedora. Ali, de forma especial, percebi o quanto somos fortes quando estamos juntos e como podemos crescer. Foi uma verdadeira onda de amor, que me emociona só de lembrar. Serei eternamente grata por tudo. João Pessoa me abriga em amor”, destacou a cantora mirim.

Durante a solenidade, Mariah Yohana ainda encantou os presentes, cantando duas músicas: ‘Dona Felicidade’, do grupo Balão Mágico, e ‘O Caderno’, de Toquinho.

Humberto Pontes acompanha gravação de 1º programa sobre Segurança do Trabalho na TV Câmara

O vereador Humberto Pontes acompanhou, nesta segunda-feira (27) a gravação do primeiro programa sobre Segurança no Trabalho da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP). O programa ‘Segurança do trabalho na TV’, da TV Câmara de João Pessoa, acontece graças uma iniciativa do parlamentar, que entre outras áreas atua em defesa dos trabalhadores.

De acordo com Humberto Pontes, uma reunião com presidente da CMJP, vereador Marcos Vinícius, foi realizada no mês de maio deste ano, na qual a ideia do programa foi apresentada, discutida e acatada. “A segurança do trabalho é uma questão atual e que merece ser discutida em todas as esferas. A TV Câmara sai na frente ao instituir um programa com essa temática, tendo como foco principal a prevenção e saúde no trabalho”, frisou o vereador.

O programa Segurança do Trabalho na TV é apresentado pelo técnico em Segurança do Trabalho, Nivaldo Barbosa, que também é presidente do Sindicado dos Técnicos em Segurança do Trabalho do Estado da Paraíba (Sintest-PB), e vai ar no próximo domingo, dia 2 de setembro, trazendo como primeira entrevistada Marcela Asfóra, procuradora do Trabalho na Paraíba.

Já está em vigor lei de Humberto Pontes para a instalação de parklets em João Pessoa

Câmara Municipal de João Pessoa promulgou no dia 18 de junho projeto de proposto pelo vereador Humberto Pontes (Avante), dispondo sobre a ocupação do espaço público destinado à extensão temporária de passeio por meio da instalação de parklets, que se caracteriza como um tipo de mobiliário urbano implantado na via pública, contendo bancos, floreiras, mesas, cadeiras e guarda-sóis, local para guardar bicicletas, entre outros, para recreação, convívio ou manifestações artísticas ou culturais.

“A ideia da lei é promover o envolvimento direto dos cidadãos na construção e modificação dos espaços urbanos e ampliar a oferta e o caráter público desses espaços, que tradicionalmente são ocupados na rua para o estacionamento de veículo, propondo novos usos. Além disso, incentivar modos de transporte não motorizados e criar um novo cenário para as ruas da cidade. É um conceito que surgiu na cidade de São Francisco, Estados Unidos, no ano de 2005 e que pode mudar João Pessoa como política pública”, explicou o vereador Humberto Pontes.

O parlamentar ainda acrescentou que a instalação, manutenção e a remoção dos parklets deve acontecer por iniciativa da administração municipal ou por requerimento de pessoas físicas ou jurídicas, obedecendo às condições e às diretrizes técnicas previstas em lei. “Serão obedecidos requisitos técnicos, precedidos de edital aos interessados, sendo incentivada a associação entre a instalação dos parklets e de estacionamentos para bicicletas do tipo para-ciclo, com pleno acesso do público ao local”, disse.

 

O que é parklet?

Parklet é um pequeno parque, que funciona como uma extensão da calçada ou ampliação do passeio público. São implantados em lugares reservados ao estacionamento de automóveis, substituindo-os com uma plataforma onde podem ser colocadas cadeiras, mesas, guarda-sóis, plantas, aparelhos de exercício físico e outros objetos ou elementos de mobiliário, além de vegetação. Caracterizam-se também por serem estruturas removíveis e temporárias que podem permanecer no local por um dia, por alguns meses ou até anos.

‘Câmara no seu bairro’: Humberto Pontes diz que Segurança Pública deve ser pauta no Brisamar

O vereador Humberto Pontes (Avante) frisou que a Segurança Pública deve estar em pauta durante a edição do evento ‘Câmara no seu bairro’, que acontece nesta quinta-feira (12), no bairro do Brisamar, em João Pessoa. Segundo o parlamentar, houve o reforço do policiamento na localidade, mas outros aspectos devem ser debatidos como a iluminação pública, que é de responsabilidade da Prefeitura Municipal.

“Este ano nos reunimos com os moradores do Brisamar e, por meio de diálogo com a Polícia Militar, conseguimos reforço de viaturas na localidade e nos bairros circunvizinhos, como João Agripino e Jardim Luna. Contudo, temos que enxergar Segurança Pública como um sistema, que envolve ações da Prefeitura”, afirmou o parlamentar, que também é perito oficial da Polícia Civil da Paraíba.

A reunião da‘Câmara no seu bairro’ acontece às 19h, no Centro Pastoral da Paróquia de São Pedro e São Paulo, e tem como objetivo proporcionar o diálogo entre moradores e membros do legislativo municipal.

É lei: cursos pré-vestibulares em João Pessoa terão tradução simultânea em Libras

Um projeto de lei proposto pelo vereador Humberto Pontes (Avante) vai gerar mais oportunidades e igualdade de aprendizado para alunos com deficiência auditiva que frequentam cursos pré-vestibulares e preparatórios para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no município de João Pessoa. O texto foi sancionado pelo prefeito da cidade, Luciano Cartaxo, e a Lei ordinária nº 13.580 publicada no fim do mês de janeiro.

De acordo com a lei, no âmbito das escolas públicas, os cursos de preparação voltados para ingressos em instituições de nível superior ficam obrigados a ministrar aulas que atendam pessoas com deficiência auditiva, por meio de tradução simultânea para Língua Brasileira de Sinais (Libras), e com profissionais habilitados ou outro meio audiovisual que permita o acompanhamento do que é ensinado.

“Este é mais um projeto nosso que é aprovado e se dirige diretamente à população. A nova lei entrou em vigor no dia 25 de janeiro e certamente vai proporcionar mais possibilidade de aprendizado para aqueles que têm a audição comprometida, total ou parcialmente. Isso é uma maneira de promover igualdade dentro do ambiente de sala de aula, além de oportunidades para todos”, avaliou o vereador Humberto Pontes.

 

Com mais de 2.570 proposituras, Humberto Pontes é o vereador com maior produtividade em JP

O vereador Humberto Pontes (Avante) foi o parlamentar com maior produção na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) no ano de 2017.

De acordo com o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL), foram 2.572 proposituras, que incluem requerimentos (2.530), Projetos de Lei Ordinária (30), emenda à Lei Orgânica (1), indicações (6) e projetos de decretos legislativos (5).

Levando-se em consideração apenas os projetos de lei, Humberto Pontes, no primeiro ano de seu mandato, aparece como o 4º vereador que mais legislou em benefício da população de João Pessoa. “A prioridade em 2017, primeiro ano de primeiro mandato, foi atender as demandas da população, que chegaram ao nosso gabinete, assim como apresentar leis que pudessem contribuir efetivamente para o dia a dia do cidadão pessoense, em áreas como segurança pública, saúde, infraestrutura e social. Foram 30 propostas pensadas por nossa equipe para isso, como a lei que foi aprovada por unanimidade na CMJP e sancionada pelo prefeito, garantindo que as notas fiscais de bicicletas comercializadas na cidade tenham o número de registro do produto, a fim de evitar a venda ilegal e inibir os crimes patrimoniais”, ressaltou o vereador. 

Entre os últimos projetos aprovados por unanimidade este ano está o Projeto de Lei Ordinária 409/2017, que proíbe questionamentos sobre orientação sexual e religião durante entrevistas de emprego na Capital, sob pena de multa. O objetivo é impedir a ocorrência de qualquer ato discriminatório contra candidatos a postos de trabalho e ainda garantir que direitos constitucionais sejam respeitados.

Outros dois projetos do vereador Humberto Pontes também foram aprovados na mesma data, 20 de dezembro, obrigando a realização de monitoramento de saúde nas escolas municipais e Centros de Referência em Educação Infantil (Creis) de João Pessoa e avaliação psicológica para alunos da Rede Municipal de Ensino, no início de cada ano letivo.

O vereador Humberto Pontes também participou da ‘Caravana da Oposição’, quando foram constatadas situações precárias em mercados públicos e Unidades de Saúde da Família (USF) de João Pessoa, além da condição de alerta da falésia do Cabo Branco, que passa por avançado processo de erosão. Confira outros projetos apresentados por Humberto Pontes e aprovados na CMJP:

  • Garantia de meia entrada em jogos para doadores de sangue e medula óssea na Capital.
  • Presença de orientação de segurança no uso de elevadores, em edifícios públicos e privados.
  • Incentivo ao uso de jardins verticais em João Pessoa.
  • Regulamentação de manuseio de aparelhos de radiologia na Capital.
  • Proibição de promoção pessoal de gestores públicos em detrimento da eficiente aplicação dos recursos, sob pena de improbidade administrativa, se obras públicas forem entregues à população inacabadas ou sem funcionalidade.