Humberto Pontes entrega Medalha Cidade de João Pessoa a cantora mirim Mariah Yohana

O vereador Humberto Pontes (Avante) entregou nesta segunda-feira (17) a Medalha Cidade de João Pessoa a cantora mirim Mariah Yohana Gomes da Silva Abílio, 10 anos, por elevar o nome da capital paraibana durante a sua participação no programa ‘The Voice Kids 2018’, exibido em rede nacional. Mariah foi uma as finalistas e a solenidade aconteceu no Plenário da Câmara Municipal.

“Mariah apresentou uma voz singular de caráter infantil e compatível à proposta do programa, transmitindo em seu canto a inocência e a pureza de uma criança que conquistou todo o Brasil e que levou a Paraíba e a cidade de João Pessoa à final do The Voice Kids. A nossa cantora mirim recebe uma das mais honradas comendas desta Casa de Napoleão Laureano, uma propositura nossa, aprovada por unanimidade, concedida apenas a personalidades que se destacaram, elevando o nome do nosso município”, frisou o parlamentar em seu discurso.

“Estamos muito felizes por esse momento. Eu vou falar como Mariah falou: ela nem imaginava chegar até a final e nós não imaginávamos de chegar aqui à Câmara Municipal, recebendo uma homenagem do vereador Humberto Pontes, com a presença de todos. É um momento de gratidão. A Paraíba é um estado diferenciado, porque aonde Mariah vai ela é reconhecida e isso é muito gratificante” disse o pai de Mariah, José Humberto Abílio.

A homenageada também discursou, afirmando com emoção os agradecimentos pela concessão da medalha. “Nasci em João Pessoa e essa cidade faz parte de mim. Sempre senti o maior orgulho de carregar o nome dessa terra, mas esse ano com o The Voice a nossa relação se tornou mais especial. Pessoas que nem me conheciam abraçaram meu sonho e torceram por mim e se juntaram para me ver vencedora. Ali, de forma especial, percebi o quanto somos fortes quando estamos juntos e como podemos crescer. Foi uma verdadeira onda de amor, que me emociona só de lembrar. Serei eternamente grata por tudo. João Pessoa me abriga em amor”, destacou a cantora mirim.

Durante a solenidade, Mariah Yohana ainda encantou os presentes, cantando duas músicas: ‘Dona Felicidade’, do grupo Balão Mágico, e ‘O Caderno’, de Toquinho.

Já está em vigor lei de Humberto Pontes para a instalação de parklets em João Pessoa

Câmara Municipal de João Pessoa promulgou no dia 18 de junho projeto de proposto pelo vereador Humberto Pontes (Avante), dispondo sobre a ocupação do espaço público destinado à extensão temporária de passeio por meio da instalação de parklets, que se caracteriza como um tipo de mobiliário urbano implantado na via pública, contendo bancos, floreiras, mesas, cadeiras e guarda-sóis, local para guardar bicicletas, entre outros, para recreação, convívio ou manifestações artísticas ou culturais.

“A ideia da lei é promover o envolvimento direto dos cidadãos na construção e modificação dos espaços urbanos e ampliar a oferta e o caráter público desses espaços, que tradicionalmente são ocupados na rua para o estacionamento de veículo, propondo novos usos. Além disso, incentivar modos de transporte não motorizados e criar um novo cenário para as ruas da cidade. É um conceito que surgiu na cidade de São Francisco, Estados Unidos, no ano de 2005 e que pode mudar João Pessoa como política pública”, explicou o vereador Humberto Pontes.

O parlamentar ainda acrescentou que a instalação, manutenção e a remoção dos parklets deve acontecer por iniciativa da administração municipal ou por requerimento de pessoas físicas ou jurídicas, obedecendo às condições e às diretrizes técnicas previstas em lei. “Serão obedecidos requisitos técnicos, precedidos de edital aos interessados, sendo incentivada a associação entre a instalação dos parklets e de estacionamentos para bicicletas do tipo para-ciclo, com pleno acesso do público ao local”, disse.

 

O que é parklet?

Parklet é um pequeno parque, que funciona como uma extensão da calçada ou ampliação do passeio público. São implantados em lugares reservados ao estacionamento de automóveis, substituindo-os com uma plataforma onde podem ser colocadas cadeiras, mesas, guarda-sóis, plantas, aparelhos de exercício físico e outros objetos ou elementos de mobiliário, além de vegetação. Caracterizam-se também por serem estruturas removíveis e temporárias que podem permanecer no local por um dia, por alguns meses ou até anos.